YOLANDA BOTELHO

YOLANDA  BOTELHO
EU,YOLANDA

Este "meu" Desassossego...

Tudo quanto fazemos, na arte ou na vida, é a cópia imperfeita do que pensámos em fazer. Desdiz não só da perfeição externa, senão da perfeição interna; falha não só à regra do que deveria ser, senão à regra do que julgávamos que poderia ser. Somos ocos não só por dentro, senão também por fora, párias da antecipação e da promessa

Fonte: "Livro do Desassossego"
Autor:

Fernando Pessoa


Viver é ser outro. Nem sentir é possível se hoje se sente como ontem se sentiu: sentir hoje o mesmo que ontem não é sentir - é lembrar hoje o que se sentiu ontem, ser hoje o cadáver vivo do que ontem foi a vida perdida

Fonte: "Livro do Desassossego

Autor: Fernando Pessoa



quinta-feira, 5 de julho de 2012

NEM SEREI

DAS DISTÂNCIAS INCOMPLETAS FAÇO UM NOVELO
QUE DESFAÇO NAS NOITES CLARAS.
QUERO PENSAR À FRENTE
NÃO DEIXO QUE ME TOMEM
POR UMA FLOR SEM HASTE.
NEM SEREI NUNCA
A TRISTEZA DE UMA LUZ APAGADA.
SOU UMA MONTANHA MÁGICA
ONDE GRITO E RIO.
UMA VEIA QUE LATEJA.
A VONTADE E A FORÇA
DE UM RODA DE CRIANÇAS
A CANTAR....
ENTRETANTO VOU DESFAZENDO
O NOVELO DAS DISTÂNCIAS INCOMPLETAS
QUE VÃO DE MIM PARA OS OUTROS
É QUANDO ME ACALMO
E ME ENCONTRO.
 YOLANDA






Sem comentários:

Enviar um comentário